quarta-feira, 17 de março de 2021

Em seu retorno às atividades parlamentares, Deputado Getúlio Rêgo pediu reflexão aos comitês científicos em relação ao encurtamento do tempo do comércio.


O deputado estadual Getúlio Rêgo (DEM) já está de volta às suas atividades parlamentares. Em meio as expectativas relacionadas a um novo decreto que o Governo do Estado deverá publicar nos próximos dias, ele se pronunciou no último horário da sessão ordinária desta terça-feira (16), na Assembleia Legislativa.

Getúlio Rêgo pediu uma reflexão sobre as decisões dos comitês científicos em relação ao encurtamento do tempo do comércio. "Quando encurta há uma crescente demanda e a facilidade de difundir o vírus com mais velocidade". Ele argumentou também que, com os horários reduzidos, a procura termina sendo maior e, consequentemente, provocando aglomerações.

"Os supermercados deveriam ampliar os horários, poderiam ser como nos Estados Unidos que funcionam 24 horas, aí as pessoas com comorbidades poderiam escolher o melhor horário", afirmou o deputado Getúlio Rêgo.

Getúlio ainda fez um apelo às Secretarias de Saúde para que adquiram o "capacete Elmo", um equipamento acoplado ao ventilador ou ao fluxo, que transporta oxigênio aos pacientes de forma não invasiva, e que poderá livrar os doentes da intubação. Ele explicou que o equipamento custa pouco mais de R$ 2.000,00.

Por fim, Getúlio Rêgo agradeceu aos pares a solidariedade recebida durante sua quarentena em casa se tratando da COVID-19. "É uma doença extremamente debilitante", disse o parlamentar que não precisou ser internado. Ele ressaltou a importância do bom condicionamento físico. "Sou frequentador de academia", disse o deputado que também é médico, afirmando que o exercício físico amplia a imunidade. 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário